ePrivacy and GPDR Cookie Consent by Cookie Consent

PLACAS DE SINALIZAÇÃO: RESUMO E DICAS PARA A SUA PROVA TEÓRICA

Entender a sinalização das vias é fundamental para qualquer piloto – e para passar na prova teórica do DETRAN também! Acompanhe o resumo que preparamos para você, com dicas exclusivas no final.

Seja para tirar a sua primeira habilitação ou para a reciclagem de condutores infratores, a prova teórica do DETRAN, realizada de modo eletrônico, é uma etapa necessária e que exige bastante preparação. Aqui na Autoescola Piloto, o conteúdo do exame é aprofundado e exercitado nas aulas, deixando o aluno pronto para arrasar no teste!

Quando o exame chega perto, recomendamos que o aluno faça uma revisão do conteúdo aprendido. Vamos ajudá-lo nisso! Veja abaixo o resumo de um assunto bastante cobrado pelo DETRAN e fundamental para você entender as sinalizações das vias. Adivinhou? São as placas de trânsito!

Ao final, também vamos passar algumas dicas camaradas para facilitar ainda mais a sua aprendizagem. Vem virar piloto com a gente!

PLACAS DE TRÂNSITO

As placas de trânsito estão regulamentadas pelo CTB (Código de Trânsito Brasileiro) e pela Resolução n.º 160/2004 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito). Elas são responsabilidade do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) e devem ser de conhecimento tanto dos motoristas quanto dos pedestres.

As placas fazem parte da sinalização vertical de trânsito, que se refere aos sinais apostos na posição vertical, fixados ao lado da pista ou suspensos sobre a pista. Elas transmitem mensagens de caráter permanente, em regra, através de legendas e/ou símbolos pré-reconhecidos e legalmente instituídos.

[OBS: A sinalização horizontal de trânsito se refere às linhas, marcações, símbolos e legendas, pintados ou apostos sobre o pavimento das vias. Já que o nosso foco são as PLACAS, vamos deixar para aprofundar a sinalização horizontal em outro momento.]

Você sabe quais são os tipos de placas de trânsito?

TIPOS DE PLACAS DE TRÂNSITO

De acordo com sua função, as placas podem ser de:

Regulamentação;

Advertência;

Indicação.

Vamos falar um pouco sobre cada tipo?

1) Placas de Regulamentação

Têm por finalidade informar aos usuários as condições, proibições, obrigações ou restrições no uso das vias. Suas mensagens são imperativas e o desrespeito a elas constitui infração de trânsito.

A forma padrão dessa placa é circular

(com exceção da placa “R-1 - Parada Obrigatória”, que é hexagonal, e da placa “R-2 - Dê a Preferência”, que é triangular). Suas cores padrão são vermelho, preto e branco.

2) Placas de Advertência

Têm por finalidade alertar os usuários da via para condições potencialmente perigosas, indicando qual a origem ou natureza da situação.

A forma padrão das placas de advertência é quadrada, com uma das diagonais na posição vertical, naquele “formato de balão” (exceto as placas “A-26a - Sentido Único” e “A-26b - Sentido Duplo”, que possuem formato de retângulo “deitado”, e a placa “A-41 - Cruz de Santo André”, que possui o formato de “x”).

À sinalização de advertência estão associadas as cores amarela e preta. No entanto, a placa “A-24 – Obras” possui fundo laranja.

As placas de advertência utilizadas em obras também possuem fundo laranja.

3) Placas de Indicação

Têm por finalidade identificar as vias e os locais de interesse, bem como educar os usuários e orientar condutores de veículos quanto aos percursos, os destinos, as distâncias e os serviços auxiliares. Suas mensagens possuem caráter informativo ou educativo.

As placas de indicação estão subdivididas nos seguintes grupos:

3.1. Placas de Identificação (fundo azul)

Posicionam o condutor ao longo do seu deslocamento e indicam distâncias e locais de destino. Há placas de identificação de: rodovias e estradas; municípios; regiões de interesse de tráfego e logradouros; nomes de pontes, viadutos, túneis e passarelas; quilometragem; perímetro urbano, limite de municípios, divisa de estados e fronteira; pedágio.

3.2. Placas de Orientação de Destino (fundo verde ou azul)

Indicam ao condutor a direção a seguir para atingir determinados lugares, orientando seu percurso e/ou distâncias.

3.3. Placas Educativas (fundo branco)

Têm a função de educar os usuários da via quanto ao seu comportamento adequado e seguro no trânsito. Podem conter mensagens que reforcem normas gerais de circulação e conduta.

3.4. Placas de Serviços Auxiliares (fundo azul)

Indicam aos usuários da via os locais onde se pode dispor dos serviços indicados, identificando-os e orientando sua direção e distância.

3.5. Placas de Atrativos Turísticos (fundo marrom)

Indicam aos usuários da via os locais onde se pode dispor dos atrativos turísticos existentes, identificando-os e orientando sua direção e distância.

Agora você já sabe identificar, classificar e caracterizar as placas de trânsito!

Por fim, confira nossas dicas especiais para consolidar o seu aprendizado do assunto!

DICAS CAMARADAS

1) Gaste tempo olhando atentamente as figuras acima, procurando entender a lógica por trás de cada símbolo associado ao seu significado. Se houver duas placas muito semelhantes, grave bem a diferença entre elas, para não se confundir.

2) Lembre-se das placas que você vê com mais frequência quando trafega nas vias locais ou estradas. Procure memorizar cada tipo de sinalização, relacionando-o a alguma placa que já está guardada na sua memória.

3) As placas de regulamentação e advertência são designadas por um código alfanumérico. As de regulamentação iniciam com a letra “R”; as de advertência iniciam com a letra “A”.

4) As placas de regulamentação se referem a proibições/permissões e desobedecer-lhes é uma infração. A cor vermelha expressa essa ideia de punição. Já as placas de advertência se referem a limitações da própria via, para as quais o condutor deve atentar. A cor amarela expressa essa ideia de atenção.

5) Não confunda placas de indicação com placas de identificação! As de indicação são gênero e as de identificação são espécie. Lembre que indicar algo é bem mais abrangente do que identificar algo.

6) Se precisar de ajuda para gravar os nomes dos subtipos de placas de indicação, sugerimos este mnemônico esperto: Ih, Ó ESsA!” [Em referência às placas de: Identificação, Orientação, Educativas, de Serviços e de Atrativos]

PLACAS DE SINALIZAÇÃO: RESUMO E DICAS PARA A SUA PROVA TEÓRICA